De Flá a 25 de Setembro de 2007 às 10:15
mas esse vulto parece não ter desaparecido...e por ele parece ainda haver amor...não é fácil esquecer-se uma pessoa quando ela está por todo o lado, ainda que dentro de nós...acho que também nunca ninguém disse que amar era fácil...e acho que quem disse que a vida era um carrossel também não se enganou nada..a vida dá voltas e mais voltas e do bem passa para o mal e do muito bem passa para o muito mal...e é assim que vivemos e inevitavelmente amamos porque viver é não só respirar é também amar.

beijinho
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.