Domingo, 3 de Junho de 2007

Só!

                
    
Do topo do teu pedestal
julgavas-te rainha.
ontem utopia,
hoje zombaria.
  
Menina birrenta,
Mulher mimada,
dos prazeres da vida,
não gozaste nada.
  
Nasceste para seres tu!
cresceste para seres tu!
viveste sendo tu!
morrerás Tu. Só!
  
Tiveste tudo,
perdeste tudo,
nao estragues mais...!
porque vives assim?
  
Gozas as recordações,
Vives no passado,
porque o presente nao enxergas,
o teu futuro está selado.
  
Queres QUERER!
Queres AMAR!
Sem saberes o que é QUERER,
nunca saberás o que é AMAR!
   
Todos se foram,
horas contadas,
mundos que abalaram,
vidas cortadas!
  
Quando desistires,
dessa busca furiosa,
sozinha no leito,
o coração te parará.
   
Ironia das ironias,
O coração, que sempre quiseste acalentar,
será no momento,
quem te irá falhar.
   MMR
sinto-me: Triste
tags:
publicado por estreladosul às 19:50
link do post | Comente+que eu gosto | favorito

Conheça-me

Novembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

posts recentes

Diálogos com a Senhora da...

Diálogo com a Senhora da ...

Voando

Florescer

Manhã

Acreditar?

Momento

Caminhos da Vida...

Plantas

Diálogo com a Senhora da ...

arquivos

tags

todas as tags

Radio

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

Visitantes

CURRENT MOON

subscrever feeds