Segunda-feira, 1 de Fevereiro de 2010

Diálogo com a Senhora da Foice Nº 2

 

Estava eu sentado, muito confortável no meu sofá, assistindo ao "Avatar", quando olho para o lado e lá estava ela outra vez.
- Mas isto agora virou sala de espera de consultório médico?
- Engraçadinho! (disse ela com aquela voz profunda e rouca, que aliás me dá uma vontade rir louca).
- Que vens fazer desta vez?
- Suponho que te enganaste no rumo, ou desta é que é de verdade?
- Não! Passei por aqui, porque tenho umas encomendas aqui perto, e pensei passar para te cumprimentar.
- Hum, não me agradam nada essas visitas de cortesia. Dão azar!
- Então que tens feito, além de dormires toda a noite, e coçares as costas no sofá   o dia inteiro?
- Humor? O negócio deve andar bom! Tens tido bons contratos?
- Nem por isso. O negócio anda mau. Ninguem quer morrer, então tenho que os obrigar.
- Olha uma coisa! Tira lá essa capa. Não sei como aguentas andar com isso com este  calor infernal ( éééé, fiz um trocadilho, mas ela não riu.)
- É melhor não. Podias ter um ataque de coração.
- Não te gabes muito. Eu ando na rua sabes? E às vezes vê-se com cada mais feia. Difilmente me ias assustar.
E, aproveitando a deixa, ela lá tirou a capa.
(Porra, mas que feia...mas continuando...
Encostou a foice e recostou-se no sofá. Até parecia que estava em casa.
- Não te ponhas muito à vontade que não vais demorar muito. (disse eu com o meu melhor sorriso).
- Só aceitei o teu convite porque ando um bocado cansada.
- Já estou um  pouco velha para estas andanças.
- Sei! Se isso fosse verdade, já te tinhas demitido. Afinal sempre são uns milhares de anos ao serviço.
  Acho que o teu patrão é pior que o José Sócrates. Lá em Portugal só se trabalha até aos 65 anos.
  Sei lá! Reformares-te e ires para um Museu lá no Céu, ou qualquer coisa do género.
- Os meus anos de vida não se contam pelos teus. Eu tenho uma contagem diferente.
- Anos de Vida? Pois! De Morte queres tu dizer...
- Já agora só uma perguntinha.. Posso?
- Podes! Já sei que vem disparate, mas vai em frente!
- Já que ocupas os últimos segundos da vida das pessoas, não podias ter uma imagem diferente?
  Sei lá! Talvez um George Clooney para as mulheres, e uma Sharon Stone para os homens. Mas  isto é só um exemplo.
  E PUFF! Lá foi ela embora. Desapareceu sem mais conversa. Mas que indelicada.
  Já que me interrompeu a sessão de cinema, ao menos poderia ter-se despedido. Sei lá!?
  Um abraço, ou um aperto de mão...
  Hum, ou talvez não...
  Ora vamos lá continuar a ver o filme.

 

MMR
publicado por estreladosul às 21:53
link do post | Comente+que eu gosto | favorito
5 comentários:
De Á flor da pele a 3 de Fevereiro de 2010 às 19:55
Acho que lhe feriu os sentimentos, mas o que importa é que ela se foi embora...acha que ela anda mesmo por aí? Eu acredito que sim...mas por vezes acho-a um pc indecisa...Bom para nós.
Gostei do texto.
De Yaleo a 13 de Fevereiro de 2010 às 22:35
http://yaleo.blogs.sapo.pt/
Visita-me e participa:)
beijinhos
De Suave Toque a 4 de Julho de 2010 às 14:05
Hoje é um dia especial, eu não poderia deixar de vir aqui e te deixar um presente.
É o terceiro aniversário que está junto a mim.
Foram momentos incríveis em cada um deles, façamos hoje mais um momento igual aos que já se foram.
Um homem especial surgiu na minha vida...
Um homem que faz de mim uma mulher diferente...
Gostaria de escrever-te hoje uma mensagem bem legal, mas bem legal mesmo!
Diferente de tudo que já te escrevi e falei.
Uma mensagem sem rasuras ou uma única gota de tristeza molhando suas letras. Que ao lê-la teu coração pulsasse mais rápido, teus olhos brilhassem mais e teus lábios pudessem sorrir, comovidos.
Uma carta simples, mas espontânea, que te deixasse um pouco mais feliz e realizado!
Que esta felicidade que te desejo hoje te acompanhe sempre, sempre.
Que bom que você existe.
Que bom ser importante para mim.
E como é maravilhoso fazer parte do rol daqueles que você quer bem.
Se você não existisse em minha vida, haveria um vazio enorme em mim, no tempo e no mundo.
Tenho certeza que Deus subscreve, sorrindo, tudo o que acabei de escrever ...!
Feliz aniversário, meu amor!
De flor_incognita a 5 de Fevereiro de 2011 às 11:58
Olá!!!
Há quanto tempo...
Belo texto...
seria bom conversar se pudessemos conversar assim com ela , quando ela chegasse...
Bom fim de semana!
De Lala a 17 de Setembro de 2011 às 12:46
Adorei...
Já nao aparecia ha bastante tempo...
Mas adorei a historia, com humor, bem escrita...
Parabens...
Bjins e abraços
(e ja agora... aguardo visita no meu blog)

Comentar post

Conheça-me

Novembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

posts recentes

Diálogos com a Senhora da...

Diálogo com a Senhora da ...

Voando

Florescer

Manhã

Acreditar?

Momento

Caminhos da Vida...

Plantas

Diálogo com a Senhora da ...

arquivos

tags

todas as tags

Radio

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

Visitantes

CURRENT MOON

subscrever feeds