Domingo, 16 de Março de 2008

Distância

 
 
Perdi o sentido do Norte, e do alento...
passeio-me, no escuro do tormento,
na separação, que anular eu tento,
e que me assola o pensamento!
  
 Estou desejoso, carente e faminto,
nesta imensa fome, que se mantém ,
caminho, em corredores de labirinto...
com alma vazia, que a longitude detêm...
  
  O nevoeiro do sonho, tolda-me a visão...
sem paz... triste... que desasossego...
desse lado do oceano, sinto a paixão...
desliza minh'alma, sem aconchego...
  
 Corpos embrulhados em solidão...
peles, desejando por caricias...
anelantes, em nosso coração...
inundando as mentes, com delícias...
   
Mantendo-te lá, meu grande amor,
concebendo meus beijos que anseias...
num tempo anulado... sem cor,
pela...DISTÂNCIA que tanto odeias!!
 
A DISTÂNCIA, diminui as paixões medíocres,
e aumenta as grandes,
assim como o vento apaga as velas,
mas atiça as fogueiras.
  
MMR
sinto-me: Melancólico
tags:
publicado por estreladosul às 23:56
link do post | Comente+que eu gosto | favorito
56 comentários:
De emanuela a 17 de Março de 2008 às 02:02
É sempre com gosto que leio teus poemas.
Um beijinho.
De estreladosul a 17 de Março de 2008 às 03:14



Obrigado amiguinha, pelas palavrinhas de apreço.
Volta sempre.

Uma linda semana

Bjinho amigo

Mario Rodrigues
De Anónimo a 17 de Março de 2008 às 03:02
Corpos embrulhados em solidão...
peles, desejando por caricias...

Sim odeio a distância, distância que me separa de tí.
Distância que por vezes é esquecida, quando me olhas com tanto amor, quando pode ver em meus olhos o amor que sinto por tí. Distância que esqueço quando ouço tua voz falando direto ao meu coração.
Distância que diminui quando falamos dos nossos sonhos, do que sentimos.
Amo-te tanto que ver-te triste assim entre as palavras me dói a alma, quisera eu colocar alento nessas palavras e em você.

Amo-te meu poeta querido.

Sua poetisa.
De estreladosul a 17 de Março de 2008 às 03:13
"A navegar em vagas de prazeres,
reviver pouco a pouco... rindo?!
evita sofreres...
É alegria...Sim!
Júbilo que está vindo..."

Não fiques triste, meu Amor. Em momentos de nostalgia, é isto que acontece. Mas meu espírito, está aí contigo, e cada vez mais feliz pelo momento do encontro, que sinto mais cada vez mais perto.

Tambem te amo, minha poetisa querida.

Desejo-te uma linda semana

Um beijo carregado de muita ternura

Mario Rodrigues

De Anónimo a 17 de Março de 2008 às 13:20
Sinto-te longe,mais tambem bem, perto,
O doce amargo da distância me faz querer
Voar criar asas para voar
Voar até ti
se fosse o vento seria brisa, para tocar em seu rosto
chegar ate você em questão de kilomêtros por hora.
Não sei o que ser...pra chegar até a ti
Seria qualquer coisa qualquer matéria, bicho,
Qualquer objeto...algo que me levasse até você
Até mesmo um ser perfeito ou imperfeito,
Mas a questão... chegar a ti.
Meu eu... precisa estar contigo, em qualquer hora,
Lugar.
Sinto uma força a invadir minha alma
Força qual me fortalece até o dia de estar contigo.
Preciso te sentir, te tocar;
Sentir teu cheiro;
Cheiro natural só seu.
Olhar em seus olhos, e sentir sua alma
Cruzando com a minha.

É preciso esperar...e esperar.
Sua poetisa
De estreladosul a 18 de Março de 2008 às 02:54



E ter esperança no que o futuro nos trará, meu amor.
Eu tenho esperança e paciência.

Uma linda semana

Bjinho com todo o meu amor

Mario Rodrigues
De Sorrisoduplo a 17 de Março de 2008 às 09:04
Então a vossa paixão não vai parar de aumentar.
De estreladosul a 18 de Março de 2008 às 02:55



Nem duvides amiguinha. Desejo-te

Uma linda semana

Bjinho amigo

Mario Rodrigues
De Flá a 17 de Março de 2008 às 09:09
Não querendo dizer mal de tudo, que aliás nem posso porque não posso dizer mal de coisas de que gosto...mas o final do poema está muito bom, sublime mesmo.


uma óptima semana

beijo
De estreladosul a 18 de Março de 2008 às 02:56



Obrigado pelas palavrinhas amiguinha.
Desejo-te

Uma linda semana

Bjinho amigo

Mario Rodrigues
De Júlia a 17 de Março de 2008 às 09:20
Passo frequentemente por aqui (embora não deixe rasto...) porque gosto de ler os seus poemas.
Às vezes comentar é difícil porque como se podem comentar sentimentos?
Boa semana
Bj
Júlia
De estreladosul a 18 de Março de 2008 às 02:58


Ainda bem que paraste e deixaste um pouco da tua amizade , amiguinha.
Fiquei muito feliz com o apreço demonstrado.

Uma linda semana

Bjinho amigo

Mario Rodrigues
De menina sonhadora a 17 de Março de 2008 às 09:39
Belo poema!
concordo com o que ja foi dito, nao se pode comentar sentimetos.Estes sao incapazes de serem traduzidos por meras palavras.
bjs
De estreladosul a 18 de Março de 2008 às 02:58
Obrigado pelo apreço, amiguinha.
A presença é suficiente e gratificante.
Uma linda semana

Bjinho amigo

Mario Rodrigues
De Subjectividades a 17 de Março de 2008 às 09:46
Tanta saudade!
Tanto desejo!
Tanto amor!
Mas o amor resiste a tudo não é verdade e a distância doi mas não mata!

Um abraço
De estreladosul a 18 de Março de 2008 às 02:59



E vai resistir, amiguinha. E vai aumentar tambem.

Obrigado pelo apreço.

Uma linda semana

Bjinho amigo

Mario Rodrigues
De tueum a 17 de Março de 2008 às 10:52
"O amor está para a distância, comoo vento está para p fogo. Se for forte, incendeia, se for fraco, apaga..."
um abraço da
Maria
De estreladosul a 18 de Março de 2008 às 02:59
Obrigado pelo apreço e pela visita, amiguinha.

Uma linda semana

Bjinho amigo

Mario Rodrigues
De * a 17 de Março de 2008 às 11:02
gostei...
gostei do que disse da distância...Parabens!
Beijinho*
De estreladosul a 18 de Março de 2008 às 03:00



Ainda bem que gostaste, amiguinha.
Fico muito feliz.

Uma linda semana

Bjinho amigo

Mario Rodrigues
De Suave Toque a 17 de Março de 2008 às 13:18
É belo, traz uma suave nostalgia, sentimento que por vezes assola nossa alma pela distância intransponível diante de certas barreira. Não perca o sentido de sua direção, com certeza alguém do outro lado te espera.
Maldita Distância não é mesmo?
É maravilhoso quando deixa sua alma se misturar com as palavras e como aqui já foi dito, comentar sentimentos é algo quase impossível, o melhor é senti-lo. E torço para que sinta todo esse amor que tens aqui descrito.

Grande beijo de carinho e tenha uma ótima semana.

Elcia Garcia
De estreladosul a 18 de Março de 2008 às 03:03



Não vão existir barreiras que consigam impedir-me de me reunir com a mulher dos meus sonhos, amiguinha.
E sinto, sim. Todo esse amor que demonstro aqui.


Uma linda semana

Bjinho com muito carinho e afecto

Mario Rodrigues

Comentar post

Conheça-me

Novembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

posts recentes

Diálogos com a Senhora da...

Diálogo com a Senhora da ...

Voando

Florescer

Manhã

Acreditar?

Momento

Caminhos da Vida...

Plantas

Diálogo com a Senhora da ...

arquivos

tags

todas as tags

Radio

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

Visitantes

CURRENT MOON

subscrever feeds